JP Borrachas e Parafusos
28 de maio de 2020
21/05/2020
Reunião de Bolsonaro com os 27 governadores acontece nesta quinta

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) realizará, a partir das 10h desta quinta-feira (21), uma videoconferência com os 27 governadores dos estados brasileiros. Bolsonaro comentou à imprensa nos últimos dias que o foco principal da reunião é tratar do socorro do governo federal às finanças de estados e municípios durante a pandemia do novo coronavírus (Covid-19). O enfrentamento ao vírus, no entanto, também deve ser discutido.

A flexibilização do isolamento social, defendida pelo presidente que alega a necessidade de movimentar a economia do país, é tema de divergência pública entre o presidente e governadores. O Brasil registrou, nesta quarta, o recorde de casos diários (19.951 em 24 horas). Ao todo, já são mais de 291.000 casos e mais de 18.800 mortes.

Antes da videoconferência, Bolsonaro deve se encontrar com os presidentes da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM), e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM). A reunião não consta na agenda oficial do presidente.

Maia sugeriu que Bolsonaro sancione o socorro a estados e municípios durante a videoconferência. “Eu falei ao presidente que seria bom uma reunião na hora da sanção. Apesar da divergência do governo federal com alguns estados e municípios, a reunião seria um gesto simbólico importante, estarem todos juntos na mesa e mostrando a importância que esse projeto tem para que estados e municípios possam continuar atendendo a população brasileira”, declarou o presidente da Câmara. *CNN BRASIL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Blog do JP - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.
Os textos e as imagens deste site são de uso exclusivo do site blogdojp.com.br, não podendo ser usadas ou copiadas sem autorização, estando protegidos pela Lei de Direitos Autorais, seu uso indevido é considerado crime.