JP Borrachas e Parafusos
18 de agosto de 2017
16/06/2017
RN sonha com banho do São Francisco para aliviar seca

A transposição do rio São Francisco representa a esperança de que o sofrimento com a seca se amenize. Entretanto, o Rio Grande do Norte corre o risco de seguir sem se banhar da bacia hidrográfica, mesmo no enfrentamento de uma estiagem que perdura há cinco anos.

O tema da retomada das obras para fazer a água do São Francisco chegar ao estado tomou conta da sessão da Assembleia Legislativa nesta quarta-feira, 14. Deputados preocupados com a situação se comprometeram em participar de uma carava que clama pelo retorno da transposição. A caminhada ocorrerá nos próximos dias 19 e 20.

Em março,  153 dos 167 municípios potiguares declaram estado de calamidade pela seca. A capital, Natal, enfrenta o primeiro racionamento de água da história. O rodízio atinge cerca de 70% da população.

Do jeito que está, os deputados temem o pior. Hermano Morais, do PMDB, é enfático. “É preciso que os recursos existentes sejam aproveitados, pois diante da seca não teremos água suficiente para os próximos anos”, afirmou.

Falta pouco para a obra alcançar o estado, de acordo com o deputado Mineiro, do PT. “Temos mais de 90% da obra concluída, mas se não mobilizarmos o Estado, não veremos as águas chegarem aqui”, ponderou.

As águas do São Francisco chegarão ao Rio Grande do Norte por meio de dois ramais. Com a perenização do Rio Piranhas/Açu, chegarão à Região do Seridó. Já pela construção do Ramal do Apodi, irá abastecer os municípios do Médio e Alto Oeste.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog do JP - Rio Grande do Norte - Todos os Direitos Reservados.
Os textos e as imagens deste site são de uso exclusivo do site blogdojp.com.br, não podendo ser usadas ou copiadas sem autorização, estando protegidos pela Lei de Direitos Autorais, seu uso indevido é considerado crime.